Artigos - 3º Legado: Serviços

Convenção realizada em 1955.

Neste encontro nosso compº. Bill W. passou p/ nós a responsabilidades de cuidarmos de nossos três legados.
Recuperação, unidade e serviço.
Recuperação; onde qual tudo se baseia e tudo depende.
Unidade; enorme significado p/ nosso futuro.
SERVIÇO; nosso compº Bill W. deixou como exemplo o décimo segundo-passo. É o serviço básico que nossa irmandade oferece, o principal objetivo e a razão primordial de nossa existência. A.A. é mais que um conjunto de princípios; é uma sociedade de alcoólicos em "ação", essa palavra é uma palavra mágica. Muitos de nós ficamos um pouco confusos a respeito do 3º legado. Às vezes nos perguntamos: o que é exatamente? Até onde vai a ação de serviço? A resposta é simples. Um serviço de A.A. é qualquer coisa que realmente nos ajuda a levar a mensagem aos companheiros que ainda sofrem. 12º passo é maior que todos os serviços. O que nos mantém em unidade são as tradições, se nós temos as mesmas, precisamos nos organizar (trabalhar) para que unidos possamos melhor representar nosso programa que tem salvado e continua salvando vidas. Quem coordena essa unidade? (Era Bill W.)
Certamente precisamos de alguém, este se prontificando e sendo aprovado por uma consciência coletiva "esclarecida", será nosso líder, um servidor de confiança, sem poderes p/ governar. Em ação com a humildade de servir. (antes eu não servia para nada, hoje tenho nome de "servidor", obrigado aos meus iguais).
Logo no começo fazia –se uso das casas de companheiros p/ as reuniões, conforme foi crescendo, foi preciso alugar algum lugar que pudesse acomodar os que estavam chegando. Quem iria pagar este aluguel? Certamente o grupo devera pagar. Lembramos que quando a mensagem chegou ao compº. Bill, por Ebby, (qual entrou em ação), este precisou gastar algum "dinheiro", tel. passagem e mais, seu tempo. Começamos a perceber que espiritualidade e "dinheiro" podiam se misturar. Sacola dinheiro, grupo, espiritualidade.
Portanto c/ o tempo foi preciso formar nossos órgãos de serviços, este que hoje pela graça de Deus, muitos de nossos iguais estão fazendo parte. Alguns de nossos servidores não chegaram nem a se candidatar, por força da necessidade, foram convocados, alguns pensaram em se recuar, logo sentiram (gratidão) que podiam fazer alguma coisa em prol de seu grupo, hoje com muitas lutas, chegam a pensar em até mesmo renunciar. Derrepentemente se encontra c/ suas forças renovadas através dos novos que chegam para ajudar a manter nosso terceiro legado em ação. Ainda hoje c/ um grande nº de membros, somos
carentes de humanos, acredito que se nós melhorarmos nossos conhecimentos e nos abastecermos de serenidade e humildade, essa carência poderá diminuir. Sabemos que nossos lideres não tem poder p/ governar, porém desde que o grupo o elegeu, ou, convocou, deverá ouvi-lo com carinho, respeita-lo e ajuda-lo através de cooperação, no encargo de servidor. Este se for um bom líder, certamente colocará sugestões para melhorar o trabalho do 12º passo do grupo. Muitas das vezes lideres se perguntam: como podemos fazer para que o grupo cresça? Existe uma resposta, com toda a certeza; os grupos só crescem na mesma proporção que seus membros, se os membros não se interessam em crescer, "deverá" então o líder se interessar. Ele deve ser atuante participativo de todas as convocações p/ melhor andamento de seu grupo de origem e A.A. num todo.
Já ouvi este lema: dar exemplo não é a melhor maneira. É a única. É sugerido que os membros, principalmente os que fazem parte dos comitês, procurem conhecer um pouquinho mais de nossas literaturas, sabemos que não iremos tirar diploma, nem seremos professores, conselheiros, missionários e menos ainda, chefes.
Porém com melhores informações, teremos menores
chances de errar.

RECUPERAR é muito bom.
Com AÇÂO estou ajudando mais um na recuperação.