Artigos - Caminhando juntos: CTO e a Revista Vivência

Qual é o objetivo do CTO?

– É fazer cumprir nossa 5ª Tradição: "Cada grupo é animado de um único propósito primordial – o de transmitir sua mensagem ao alcoólico que ainda sofre" .

O Comitê Trabalhando Com os Outros organiza, estrutura e padroniza a divulgação da mensagem de A.A., pois nenhum alcoólico poderá ser ajudado se não souber o que é A.A. e onde poderá ser encontrado.

Como utilizar a Revista Vivência para o CTO atingir seus objetivos?
Na página 01 da Revista, no Preâmbulo, há uma síntese do que é Alcoólicos Anônimos. Nossos Passos e Tradições na 2ª capa e os Conceitos. Da página 60 em diante, onde A.A. pode ser encontrado: os endereços.

As Comissões do Comitê Trabalhando Com os Outros:
Muitas vezes utilizamos "terceiras pessoas" para fazer a mensagem de A.A. chegar ao alcoólico. Bill utilizou um profissional da Medicina: Dr. Silkworth; um ministro religioso: Reverendo Walter Tunks, a Irmã Ignatia e a Sra Henrietta Seiberling.
O CCCP é a comissão responsável pelo bom relacionamento entre Alcoólicos Anônimos e a imensa gama de Profissionais da Organização que pretende "dar assistência" aos alcoólicos.

Como utilizar a Revista Vivência para a CCCP atingir seus objetivos?
No 1° contato com o profissional, o companheiro da CCCP leva uma Revista Vivência e oferece ao profissional. No dia da Reunião com os funcionários, oferece alguns exemplares para os mesmos.
A CIP é a Comissão do CTO que informa o público em geral sobre o Programa de Recuperação de Alcoólicos Anônimos. Ela mantém viva a imagem da Irmandade junto à Comunidade informando principalmente os profissionais sobre o trabalho que pode ser feito com o alcoólico ativo.
Como utilizar a Revista Vivência para a CIP atingir seus objetivos?
Informações dirigidas a segmentos específicos: A Imprensa: A TV quer fazer um programa sobre alcoolismo e convida A.A. No 1° contato com o repórter, levar um exemplar da Revista Vivência. A Medicina: o médico psiquiatra chama A.A. para colaborar com o hospital psiquiátrico: presenteá¬lo com um exemplar da Revista Vivência. A Justiça: juízes, promotores, delegados, como funciona A.A.? Há revistas com depoimentos de detentos; levar um exemplar. A Educação: Universidades, Estagiários: presentear o Reitor e depois os estagiários que chegam aos grupos. A Religião: vamos formar um grupo; precisamos do salão da Igreja. Ao informar o religioso o que é A.A., levar uma revista. As Organizações Não-Governamentais, por exemplo, Casas de Recuperação; temos grupos de apoio; levar a cada 15 dias um exemplar e sortear entre os internos. Assinatura-Cortesia: Na Comunidade onde se localiza o grupo: Ao Profissional, ao Religioso, à Assistente Social, ao Médico, etc. Nas Reuniões de Informação ao Público: montar um "stand" com literatura de A.A. e exemplares da Vivência. Um RV presente para a divulgação da Revista:
a) falar sobre a revista, folheando¬a;
b) deixar a pessoa folhear também;
c) abrir na página: Como saber se alguém é alcoólico?
d) Além de oferecer a assinatura, se notar que a pessoa está interessada, oferecer um exemplar da Vivência.
A CIT é a Comissão que leva a mensagem de A.A. aos internos dos hospitais, Clínicas e Casas de Repouso. Levando a mensagem de A.A., esta comissão reforça a possibilidade do paciente alcoólico continuar sóbrio após a alta através da freqüência aos grupos de A.A.
Como utilizar a Revista Vivência para a CIT atingir seus objetivos?
A Revista Vivência traz depoimentos de companheiros que estiveram internados, saíram da internação e foram direto a um Grupo de A.A. Presentear o Diretor da Instituição com um exemplar. No dia da Reunião do Grupo de Apoio, sortear um exemplar entre os pacientes. Eles irão aguardar este momento. A Oração da Serenidade: falar durante o depoimento e mostrar a 4ª capa da revista.
A CIC é a Comissão que leva a mensagem de A.A. aos presídios, penitenciárias e Instituições Correcionais. O que faz a Comissão de Instituições Correcionais? Primeiro: palestras aos funcionários do presídio; é importantíssimo que eles tenham a noção exata de como a Irmandade vê o alcoolismo, sua proposta de recuperação e que tipo de atividade A.A. pretende desenvolver junto aos presos. Segundo: reuniões com os reeducandos alcoólicos.
Como utilizar a Revista Vivência para a CIC atingir seus objetivos?
No 1° contato com o Diretor do Presídio: levar uma Revista Vivência. Presentear os funcionários e os reeducandos.

Outras Sugestões:
Revista Vivência no Apadrinhamento
Revista Vivência nas Abordagens (12° Passo)
Revista Vivência nas SIPATs
Revista Vivência nos Velórios

Vivência n° 95 – Mai/Jun. 2005