DP - Compartilhar no ato

Para um internAAuta, o grande benefício dos grupos on-line é a certeza de poder compartilhar com alguém a qualquer momento.
Gostaria de falar da oportunidade que AAbr tem me dado de me recuperar. Além das duas horas em que posso estar num grupo "ao vivo", A.A. também fica à minha disposição, pela Internet, em qualquer momento mais difícil, de alguma provação ou risco à minha sobriedade - e esses momentos acontecem, para mim, principalmente no trabalho, pois aí eu passo a maior parte das minhas 24 horas à frente de um computador.

Quando, em qualquer circunstância, entro em choque com algum colega, ao invés de agir com intolerância e ser indelicado (como é típico do alcoólico que eu sou), acesso A.A. on-line e compartilho o caso com meus companheiros internautas, logo restaurando a minha sobriedade. Depois também transmito essas experiências no grupo "ao vivo".

É com essa ferramenta tão importante que tenho mantido a minha recuperação por um período mais prolongado, até em relação ao Serviço na Irmandade. Recebo muitas matérias sobre esse assunto, e meus companheiros estão me apadrinhando no Serviço de A.A. Por isso, às vezes passo pela maravilha de ser portador de boas novas de A.A nacional e mesmo mundial no grupo "ao vivo", onde sempre compartilho tudo o que recebo da Irmandade via Internet.

Penso que num futuro próximo, grupos "ao vivo" poderiam ter um microcomputador e um servidor que os representasse em A.A. on-line.

Sou grato a todos e ao Poder Superior, como O entendo, por estarem sempre presentes em minha vida, através de meus companheiros internautas do mundo inteiro, a qualquer momento. 

Vivência - Julho/Agosto 2001