Artigos - Natal sóbrio e alegre > Rv. 014

Natal sóbrio e alegre

Doze sugestões para curtir férias e festas com alegria e sobriedade


      Para  o  recém  ingressado  no  A.A.,  festas e  férias sem bebida parecem um programa maçante e sem graça. Muitos dos nossos, contudo, curtiram sóbrios seus  mais  inesquecíveis  feriados  ideia com que jamais sonharam, desejaram ou  acreditaram  fosse  possível,  quando  ainda   bebiam.  Apresentamos  aqui algumas sugestões para participar de qualquer festa, sem “aquela bebidinha”.

    1. Em  época  de  férias  ou  Festas  de  Fim  de  Ano,  participe  também   de atividades  extra  de  A.A.  Procure  levar  os novos companheiros às reuniões, atue  até  como  telefonista  em  clube  de serviço, grupo ou escritório central; desabafe,  ou  mesmo,  ajude  a  servir  refeições; se lhe for possível, faça uma visita à ala de alcoólatras de um hospital.

    2. Convide  amigos  de  A.A.,  especialmente   os  novos   membros.  Se  não dispuser   de   um   local  apropriado  para   uma   recepção   formal,   leve   um companheiro a  jantar,  ou  simplesmente,  pare para um cafezinho, sem aviso prévio.

    3. Porte  sempre  em  seu  bolso  sua  lista  de  telefones de AAs. Em caso de pânico   ou   compulsão,   largue   tudo   o    mais,    e    ligue    rápido  para  um companheiro.

    4. Procure  atualizar-se  com  as  datas  festivas,  programas  de reuniões  ou outros eventos  dos  grupos  próximos e apareça por lá. Se   for tímido, convide um companheiro mais novo na obra e vá com ele.

    5. Afaste-se  daqueles    ambientes  de  bebida   onde   se   sinta   nervoso   e inseguro. Lembre-se de sua antiga sagacidade em fabricar “desculpas”, quando ainda em atividade alcoólica. Agora é a hora e a  vez de  usar  seu  talento  para um   objetivo   mais   nobre.   A   salvaguarda   de   sua  vida  é  mais  preciosa e importante que qualquer festa que sua firma promova.

    6. Se for  obrigado a  comparecer a  uma festa onde a bebida rola e, não tem como levar um amigo AA, tenha sempre à mão um punhado de bombons.

    7. Dê um jeito  de  não se demorar demais em ambientes de bebida. Planeje com antecedência um “compromisso importante e inadiável” a cumprir.
    8. Vá a uma igreja. Qualquer igreja.

    9. Não fique aí pensativo,  pelos cantos.  Ponha  em  dia  sua leitura; dê uma boa caminhada a pé; responda cartas;  ou,  quem sabe,  vá  àquele museu que você tanto desejava visitar.

    10.  Agora,   nada   de   ficar   sonhando   acordado   com   aqueles   feriados tentadores...Lembre-se - “um dia, de cada vez” como sugere o programa.
    11. Curta, nesses feriados, a genuína beleza do amor e da alegria sã. Talvez suas posses  não  lhe  permitam  dar bons  presentes mas, neste ano, você já pode dar amor.

    12. “Tendo experimentado um despertar espiritual”...É desnecessário aqui repetir todo  o  enunciado  do  12° Passo,  uma  vez que você já o conhece de sobra.
 
 
Fonte: Box 459
 
Rv. > 014 - Ano 1990