Artigos - Perguntas sobre o Quinto Passo

1 - Todos os Doze Passos de A.A. nos pedem para atuar em sentido contrário aos nossos desejos naturais... Porquê?

2 - Por que poucos passos são mais duros de aceitar que o Quinto?

3 - Podemos viver sozinhos com os problemas e que os defeitos de caráter causam e agravam?

4 - De que forma o quinto Passo nos auxilia a viver conviver com essas experiências e fatos de nosso passado realçados pelo "holofote" do Quarto Passo ?

5 - Nosso medo e relutância fazem com que procuremos "uma maneira mais fácil". Quais os perigos dessa atitude?

6 - Tentara "carrega o peso" sozinho pode causar instabilidade, ansiedade, depressão e remorso. Como obter alívio?

7 - Admitir os próprios pecados a outro é alguma novidade inventada pelo A.A. ?

8 - Só as religiões acreditam na eficácia da confissão das próprias falhas?

9 - Basta discernir e conhecer as falhas da própria personalidade, ou é imperativo discuti-las?

10 - Acha que grande parte dos A.As. teriam conseguido manter sua sobriedade sem a corajosa admissão de seus defeitos perante outro ser humano?

11 - Acha que pode levar para a sepultura as lembranças aflitivas e humilhantes?

12 - Por que o Quinto Passo nos livra das sensações de isolamento?

13 - ..."Era como se fôssemos atores num palco, subitamente reconhecendo que não sabíamos uma só linha do nosso papel. Eis uma das razões pela qual amávamos o álcool. Ele nos permitia desempenhar nosso papel a qualquer tempo."...

14 - Quando chegamos ao A.A. nos encontramos entre pessoas que pareciam nos entender, a sensação de "fazer parte" de alguma coisa era emocionante. Achávamos que problema do isolamento havia terminado. Porém logo descobrimos...

15 - Acredita que a prática desse passo nos fortalece a esperança de possamos vir a ser perdoados? Por quê?

16 - ...Foi somente quando demos o Quinto Passo com resolução que "soubemos", em nosso íntimo , que poderíamos aceitar o perdão e perdoar também.

17 - Confiar nossos defeitos a outro ser humano nos ajuda a caminhar no sentido da humildade?

18 - O que significa humildade?

19 - Pode-se corrigir um defeito sem antes ver claramente o que ele é? Basta ver?

20 - Mesmo desejando muito, acha possível livrar-se dos defeitos sozinho?

21 - Auto-engano nos causou uma série de problemas. Como poderemos nos assegurar de não persistir no auto-engano?

22 - Como se certificar de que o inventário do Quarto Passo foi completo?

23 - Ainda perturbados pelo medo, pela auto-piedade, ou outros sentimentos feridos, temos condições de nos avaliar com justiça e equilíbrio?

24 - Por quê Deus, na forma em que O concebemos, não pode nos contar diretamente onde estamos errados?

25 - Por quê não podemos fazer a admissão direta e somente a Ele?

26 - Por quê é necessária a interferência de uma terceira pessoa neste assunto de Quinto Passo?

27 - Enfrentar "Deus" parece ser tão embaraçoso quanto enfrentar outro ser humano?

28 - Tratando-se de assuntos espirituais, andar sozinho é perigoso. Concorda? Por quê?

29 - Por quê, embora possam conter falhas, os comentários de outra pessoa podem nos atender melhor do que uma suposta "orientação direta de Deus"?

30 - Como descobrir a pessoa na qual confiar?

31 - A pessoa que nos auxilia no Quinto Passo tem que ser nosso padrinho em A.A.?

32 - Se seu relacionamento com seu padrinho só permite que você revele parte de sua história, como agir?

33 - A pessoa que nos auxilia no Quinto Passo pode estar inteiramente desligada do A.A.?

34 - Quais, na sua opinião, as qualidades ou condições que devemos buscar na pessoa que nos auxiliará na prática do Quinto Passo?

35 - Você já praticou o Quinto Passo? Qual foi a sensação? Quais foram os resultados?

36 - Como abordar a pessoa que nos auxiliará na prática do Quinto Passo?